8 de abr de 2006

Primeiro ato

O Flávio queria ter o post inicial do blog, e lembrei desse poema: tem tudo a ver com o nosso conceito, além de ser um dos melhores textos dele!
(quem postou foi o Vitor...)

Teatro capitalista
(por Flávio Vinícius)

E cansado de rotinas...
Fez-se um artista,
Queria reinventar o mundo,
Criar novos papéis e peças escritas.
Mas, a ausência de justiça
Tornou-o um romântico realista.
E esse foi apenas o embrião,
Base de um romancista.
Que escreveria depois um épico.
Nasce o teatro capitalista.

Num país há muito esquecido,
Fulgura uma lenda sem título.
Que devora a cada capítulo,
As entranhas de um povo servil,
Derramando sangue
num país que se diz varonil.*
Mas a peça, óbvio tem um herói
Ou seria antagonista?
O qual o monstro não intimida,
Pois nosso herói é consumista!
E devido a sua natureza,
Tem-se quase que certeza
Que haverá de ter fim diferente.
Por mais incerta que a morte seja.

Mas essa estória...
É tão diferente...
Da que foi contada para a gente.
Pois o mocinho,
Não se comove, não se mexe,
Nem se compadece da dor.
E o que ele faz?
Ao protagonista sustenta,
Quase que com amor!

O final é óbvio, não comove,
A dor de um povo não emociona.
Pois o povo é fraco, é covarde...
E pelo monstro e seu comparsa
Ele é derrotado!
Ninguém repara...

Mas como esperavam vitória deste?
Se ele era mal alimentado?
Se era mal armado?
E no fim inclusive, odiado...

E o herói sorri,
Nas mãos poder e glória.
Incapaz de mudar rumos na História.
Pois não interessa...
Aliás, que história é essa?

O final é óbvio
Tende ao esquecimento,
A sofrer erosão do tempo,
E assim se apagar da memória.
Mas, a arte se reinventa.
E o teatro faz da vida,
Seu principal artista.
E ainda que esta não brilhe em cena,
Este teatro ainda encena,
O texto que foi escrito pela rotina,
Pelo cansaço e pela solidão,
Vista todo dia no peito do meu Brasil.
Mesmo assim, ninguém ainda aplaudiu...

Flávio Vinícius Ferreira de Araújo...18/12/05

*Varonil: Viril, enérgico, heróico



E mais um blog se inicia na internet... vamos ver no que vai dar!


29 comentários:

Natália \o disse...

"tá muito legal o blog, beijos" << (* você mesmo deixou ¬¬'... *)

* Sim, de novo... porque fizeram o favor de deletar o anterior... -.- *

Natália \o disse...

hauhau.. =] brincadeira..
certo².. vim por livre e espontanea pressão... mas vou comentar algo decente \o a altura do blog, neah^^

~~ Finalmente o blog saiu, nom?^^... espero que não o abandone ¬¬... vou adorar ler os textos =DDD...
o primeiro, eu já tinha lido... e alias, muito bom =]
lógico.. quem escreveu?? tinha que ser neeaah!!.. XP (* (8) *)

Enfim... Não tenho muito o que dizer até mesmo porque vocês mal começaram... mas sim... "tá muito legal o blog"...

=DDD
AH sim.. mais uma coisa...

O autor lindo e maravilhoso do texto aliiii... * aponta pra baixo * é meu namorado \o
* ele que pediu para falar isso... ><"".. mas de qualquer forma, é bom deixar como aviso... ele é MEU namorado... * dando mais enfase ao meu * MEEEEEEEEEUUU namorado =] *

~~* Sem mais *~~

Beijos =]

Flávio disse...

Hum...apesar do comentário anterior feito pela MINHA namorada...sim, Deus...MINHAAAA...fazer u q neh?Isso eh um blog sério...rsrsrs

Vitor disse...

Ok...
Pelo visto isso pareceu meu premeditado, ne Fla fla?
Mas tudo bem. Vou tolerar pq é o primeiro post: tudo é festa AINDA!
(to brincando, viu? contato que nao fique flood, eu nao tenho nada contra... é ate bom pq parece que muita gente visita o blog: incrivel, quatro comentarios logo de cara!!!!!)

Kinha disse...

"A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria, viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos..." (Desculpe, não lembro o nome do autor).

Sobre o post...
Lindo o poema! São coisas assim que me fazem, ainda, acreditar na arte em função da realidade; arte como ferramenta para mudar o mundo. Visão idealista? Talvez. Prefiro acreditar que não. Prefiro acreditar que, com determinação e pessoas como vocês, podemos fazer a diferença.

Adorei a proposta do blog. Podem ter certeza de que já sou a fã número um e visitarei sempre. Beijinhos, meninos! =*

Monalisa disse...

Há muitos blogs por aí, mas esse não é só mais um. De todos os existentes, são poucos os bons. Esse é um dos poucos maravilhosos.

Muito legal mesmo. Parabéns!
^^

Voltarei aqui mais vezes.
Bjs.

carol disse...

Parabéns pelo blog de vocês.Muito bonito e com ótimos textos,um presente para os seus amigos.
Bjus,carol.

Monalisa (o retorno) disse...

(Esqueci de dizer)
Merda pra vcs.
^^

Sabia que "merda" vem de merdê (pelo menos é assim que se fala), que é boa sorte em francês?

Mariana disse...

uau^^
mt liindo, tô sem palavras!!!
parabens meeeesmo, adorei !!!!
;*

Pamela Paula disse...

meninos, o blog de vcs está mto lindo!!
com o talento e a inteligência dos 2 não poderia ser diferente neh???
adoro vcs e estou com mtas saudades!!!
grande beijo

Marcos disse...

Flávio!
Vitor!
qnto tempo não os vejo...
mto interessante o blog de vcs...
mais um no meio de um profundo oceano de blogs... mas tudo bem... façam propaganda que prêmios vcs recebem!
Está mto bom o texto... Alberto ficaria orgulhoso...
Abraços!

mariana disse...

gostei mt !! mt criativo!!
bjão

Nanda disse...

Mto interessante, juro q conheço ele de algum lugar.
Mas mesmo assim, gosstei mto.

Flávio disse...

Conhece ele de algum lugar?Como assim?Tah dizendo q eu copiei ele de algum lugar?Opa...acusação de plágio não hein?No máximo eu jah posso ter lhe enviado antes...jah andei enviando esses poemas p/ algumas pessoas...mas...agora fiquei preocupado...e se alguem me plagiou?Ahhhhhh!!!

Flávio disse...

Soh sei q daki a alguns dias eu vou abrir uma conta na biblioteca nacional p/ proteger os meus textos...Ehhh jah escutei falar em plágios de textos de blog...Juro!!

miraldi disse...

olá!
sou o 16º comentário e ,portanto, não mt original...hehe
tah muito lindo, bem trabalçhado e vc tah cuidando direitinho do seu blog, o que já é mais um tônico em meio a tantas palavras difíceis...rs (mas com conteúdo, neh...).
bejuxxx

Mariana 8ï3 disse...

aaaaaaaaaa

nhaáaa!

bom a minha opinião eu falei msnmente para o Flávio..

aaa..mas repito..eu gostei.
{apesar de ter viajado..rs}..mas aqui é um lugar livre.

para mentes livres...


um beijo..

merda para nós!!!

{aaaa...não me cansarei de agradecer pelo convite..iuuupiíi!}


carpe diem p todos!!!!

Thereza disse...

Ola, bom nem sei o que escrever, pq mt ja se foi dito, + ok.

Flavio, parabens pela explendida abertura do Blog, to vendo que seu lado critico se supera cada vez mais.

Bjs....

Ritinha disse...

adorei a poesia!!!!!!!!!
poxa naum sabia q tinha um poeta taum bom na familia!!
hehehe

ADOREI DE VERDADE, MTO PROFUNDA!
inteligente tb...

bjusss

"precisamos de mais blogs como esse...com conteudo"

carla, amigadarita disse...

nossa, mto linda a poesia!!
amei de verdade!!!!!!
parabensssss

Kinha disse...

Adicionei vocês como blog amigo no meu, tá?
Beijinhos, meninos! =*

A. Becker disse...

ae...
blog bem lgl...
poesia da hora tb...
sem criatividade...
hm...
eh issu
flow ae
boa sorte
f
u
i

mari disse...

adorei !! flavio vc escreve mt bem!! continue assim !! vc tem futuro!!!! ve lembra dos amigos quando ficar famoso ,viu?rrsrsrsr
bjosss

Tipoia disse...

Surpresa!!! Conhecer um pouco mais de quem muito se conhece. Idiossincrasias à parte, o importante é o caminhar rumo "À Estrela".

Tipoia, pai.

Aida, mãe disse...

Sua referência ao poeta modernista Augusto dos Anjos é muito interessante. Observei, no entanto, uma remissão a um poema de Drumond, que vou localizá-lo nas estrelas, isto é, em nossa "organizada" biblioteca.
Aida, mãe.

Tipoia disse...

O primeiro, varonil e heróico, mandou muito bem, e abriu corajosamente o "Teatro Capitalista";
O segundo, uma agradavel surpresa, transportou-nos "À Estrela".
A terceira Maria, Ana ou Mariana, prepara sua entrada em cena. Contraponto necessário para toda agradável caminhada. Aguardamos.

Tipoia, um certo tio paulo.

LuizGuilherme disse...

ta irado flavio
boa sorte com o blog
publiquem mais textos

Vitor disse...

Bom... so para corrigir um pequeno engano: tipoia e aida sao os meus pais, e nao do Flavio! Mas logo se percebe que eles leram os dois textos(inclusive o meu, postado depois)

Ana Paula :) disse...

Aí , flavinho... tu manda mt bem, nao imaginava q seus pensamentos fossem tao profundos e tao amplos ao mesmo tempo... Vc faz c q haja o real questionamento, vc nos retira da comodidade e nos faz pensar no mundo , na nossa vida...
Continue escrevendo , leve isso a diante, pois com certeza teremos um grande escritor!!!!!
bjs..........
Depois eu volto!!!!!!
bjs..........